Atleta lorenense com deficiência auditiva participa da decisão da Superliga Feminina de Vôlei

A perda de 70% da audição fez com que Natália apurasse outros sentidos

24 ABR 2017   |   Por Jornalismo  |   10:43
Foto: Secretaria de Comunicação Social de Lorena-SP

A jogadora Natália Martins, nascida em Lorena, participou da disputa do título da Superliga Feminina de Vôlei. O jogo foi entre as equipes do Rio de Janeiro e Osasco, e ocorreu no último domingo (23), no ginásio Jeunesse Arena. A equipe carioca, que já era considerada favorita, levou o título.

A atleta lorenense e titular do Osasco vem se destacando. Apesar de entrar em desvantagem em relação às outras jogadoras, teve uma boa participação.

Aos 4 anos de idade perdeu 70% da audição o que não a impediu se tornar uma jogadora profissional. Para compensar sua deficiência trabalhou os outros sentidos e joga usando um aparelho auditivo. 

Natália joga profissionalmente há 14 anos, mas só em 2016, pela primeira vez, teve a experiência de ser convocada para o Pan-Americano de surdos. O Brasil ficou com a prata e a Natalia foi eleita a melhor jogadora do evento.



















Classificados

Newsletter

Cadastre seu email e receba nossos informativos e promoções de nossos parceiros.