PM de Cunha fecha abatedouro ilegal que vendia aves para restaurantes

Policiais apreenderam 180 kg de frango e 2.900 kg de sardinha

08 JUN 2018   |   Por Jornalismo  |   09:20
Foto: Divulgação/Polícia Militar
PM de Cunha fecha abatedouro ilegal que vendia aves para restaurantes
PM fecha abatedouro clandestino em Cunha.

A Polícia Militar fechou um abatedouro clandestino na tarde desta quinta-feira (7) em Cunha. No local, os policiais apreenderam carnes de frango e sardinha que eram comercializados em restaurantes da cidade. Um homem foi preso durante a operação.

O local, que fica no bairro Paraibuna, foi descoberto após uma denúncia anônima enviada à polícia. Após vistoria no local, foram encontrados 2.900 kg de sardinha, um frango embalado industrialmente e aproximadamente 180 kg de frango caipira abatidos. 
Na parte externa do imóvel, os policiais encontraram oito frangos caipiras abatidos e prontos para serem embalados e comercializados. Ao todo, 90 aves abatidas foram apreendidas durante a operação. Dentro de uma gaiola, nos fundos do imóvel, a polícia também encontrou frangos vivos.

O dono do imóvel confessou que abatia e comercializava os animais em restaurantes e açougues de Cunha e Paraty (RJ) há sete anos. Por dia, 60 aves eram mortas. A Vigilância Sanitária do município esteve no local e atestou o comércio irregular e as más condições de armazenamento dos produtos.

O dono do abatedouro clandestino foi encaminhado para a delegacia de Cunha, onde ficou detido por crime contra as relações do consumo. Ele será conduzido para a cadeia de Lorena.

Fonte: Meon
















Classificados

Newsletter

Cadastre seu email e receba nossos informativos e promoções de nossos parceiros.