Paralisação de caminhoneiros e chegada do frio fazem litoral norte de SP ter ocupação baixa no feriado

Segundo Sinhores, incerteza no abastecimento e competição com destinos na serra foram responsáveis por cancelamentos de reservas

04 JUN 2018   |   Por Jornalismo  |   08:39
Foto: Almir Bottura/ Arquivo Pessoal
Paralisação de caminhoneiros e chegada do frio fazem litoral norte de SP ter ocupação baixa no feriado
Turistas que mantiveram programação no litoral encontraram praias vazias

A incerteza gerada pela paralisação dos caminhoneiros e a competição pelos turistas com a região da Serra da Mantiqueira fizeram com que a ocupação nos hotéis e pousadas no litoral norte de São Paulo ficassem baixas no feriado prolongado de Corpus Christi.

Em geral, o turista que desceu a serra para curtir as praias do litoral norte de São Paulo encontrou a cidade com movimento bem tranquilo e espaço de sobra na areia.

Apesar da incerteza gerada com a paralisação dos caminhoneiros, as cidades conseguiram se abastecer com combustível e alimentos. Mas em alguns supermercados de Ubatuba, por exemplo, faltam apenas itens como ovos e hortifruti.

Juntas, Ubatuba, Caraguatatuba, São Sebastião e Ilhabela reúnem cerca de 60 mil leitos entre hotéis e pousadas. Em Caraguatatuba, de acordo com a Associação de Hoteis e Pousadas da cidade, o índice médio de ocupação ficou em torno de 25%.

"Alguns hotéis tiveram ocupação um pouco melhor por causa de promoções de última hora, parcelamento e alguns atrativos que o próprio hotel ou pousada possui. A taxa da cidade inteira é 25 %, normalmente em um feriado como esse a gente teria em torno de 60%", afirmou Rodrigo Tavano, presidente da associação.

De acordo com o Sindicato dos Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares (Sinhores), a paralisação dos caminhoneiros e a chegada da época mais fria foram os fatores responsáveis pelo baixo movimento.

“Não computamos os números das baixas [reservas canceladas], mas sabemos que os números de ocupação ficaram bem baixos. Além disso, esses dois fatores contribuíram para esse quadro”, explica José Carlos de Souza, secretário do Sinhores do litoral norte.

Fonte: G1
















Classificados

Newsletter

Cadastre seu email e receba nossos informativos e promoções de nossos parceiros.