São José reforça campanha contra a Aids após registrar alta de 85%

Maior alta na cidade se deu entre os soropositivos, aquelas pessoas infectadas com o vírus HIV que ainda não manifestaram a doença; eles subiram de 53, nos 10 meses de 2016, para 143 neste ano, um crescimento de 170%

30 NOV 2017   |   Por Jornalismo  |   08:34
Foto: Cláudio Vieira/ PMSJC
São José reforça campanha contra a Aids após registrar alta de 85%
Para especialista, esse aumento está ligado à realização de mais exames e à falta de prevenção

Uma nova epidemia?

Os casos de Aids aumentaram 85% em São José em um ano: de 113 notificações entre janeiro e outubro do ano passado para 209, em igual período deste ano.

A maior alta se deu entre os soropositivos, os infectados com o vírus HIV que ainda não manifestaram a doença. Eles cresceram de 53, nos 10 meses de 2016, para 143 neste ano, 170% a mais.

Os doentes de Aids (já manifestada) subiram 10% no mesmo período, em São José, de 60 para 66.

Para a médica Tereza Cardoso, chefe das vigilâncias em Saúde e Epidemiológica de São José, dois fatores explicam o aumento.

"Estamos fazendo mais exames, mas também há uma despreocupação das pessoas com relação à prevenção."

O descuido com a doença se deu com o aumento da qualidade e da expectativa de vida dos infectados com o coquetel de medicamentos.

"Antigamente, a morte era quase inevitável e isso fez aumentar a prevenção. Hoje não tem mais aquela sensação de morte e não se preocupam tanto." E completou: "O uso de drogas também faz com que as pessoas não se preocupem com a prevenção e não se cuidem".

Na próxima sexta, a campanha "Fique Sabendo" terá ações nas principais cidades do Vale, como teste rápido para diagnóstico da Aids, exames e distribuição de preservativos e panfletos.

Número de casos têm alta em Jacareí e cai em Taubaté; cidades têm campanha

O número de soropositivos cresceu 52,6% em Jacareí: 19 (2016) para 29 (2017), até outubro, a maioria entre homens de 20 a 29 anos. Já os casos de Aids caíram 53%: de 54 para 25. Em Taubaté, a doença recuou 29,3% em 2017 ante 2016, com 53 notificações contra 75, até outubro. As cidades terão ações na campanha "Fique Sabendo", a partir desta sexta.

(Fonte: OVALE)
















Classificados

Newsletter

Cadastre seu email e receba nossos informativos e promoções de nossos parceiros.